FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

Quatro anos de trabalho, mais de 30 profissionais envolvidos e um resultado inédito: pela primeira vez na história, o Brasil conta com um estudo aprofundado sobre a quantidade e qualidade de seus museus. Editada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC), a publicação Museus em Números é resultado da sistematização que o Cadastro Nacional de Museus tem feito de informações sobre museus em todo o território nacional desde 2006. 


O resultado deste "censo museológico" revela que o Brasil, que iniciou o século XX com 12 museus, já conta com 3.025 instituições museais mapeadas. Dessas, 1.500 responderam à pesquisa. Localização, acervo, caracterização física, acessibilidade, infraestrutura para o recebimento de turistas estrangeiros, funcionamento, segurança, atividades, serviços, recursos humanos e orçamento foram os aspectos investigados.
A edição traz dados estatísticos comentados sobre a realidade de cada Unidade da Federação no que se refere ao quantitativo e perfil de seus museus, além de situar a realidade brasileira no cenário museológico internacional.
Analisadas por uma equipe multidisciplinar, as informações colhidas trazem à tona as particularidades de caráter nacional e regional que determinam a atual configuração do setor, apontando avanços e desafios.
A ideia é que a publicação seja periódica, com edições trienais, e sirva de referência para o planejamento de políticas públicas, o desenvolvimento de pesquisas relacionadas ao setor e a participação social.
Veja a seguir alguns destaques da pesquisa:
21,1% dos municípios brasileiros possuem museus;
número de museus já ultrapassa o de teatros e de salas de cinema no País;
maior parte dos museus é pública e gratuita;
a maioria das instituições tem menos de 30 anos.

O Ministério da Cultura (MinC) prorrogou para o dia 10 de janeiro o prazo de inscrições em sete editais ProCultura, que terminaria dia 10 de dezembro.  Por meio dos editais, a Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura vai selecionar Projetos Culturais nas áreas de circo, dança e teatro, artes visuais, música, livro e leitura e diversidade cultural. Os 608 projetos beneficiados receberão o total de R$ 57 milhões do Fundo Nacional de cultura.

Veja a lista de editais que serão prorrogados:

1. Edital ProCultura Prêmio de Estímulo ao Circo, Dança e Teatro. (Acesse: Circo, Dança e Teatro)
2. Edital ProCultura para Artes Visuais (Acesse: Artes Visuais)
3. Edital ProCultura de Apoio a Banda de Música (Acesse: Música)
4. Edital ProCultura Palcos Musicais Permanentes
5. Edital ProCultura de Apoio a Festivais e Mostras (Acesse: EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 5 – PRÊMIO PROCULTURA DE APOIO A FESTIVAIS E MOSTRAS DE MÚSICA 2010)
6. Edital ProCultura para Programação Cultural de Livrarias (Acesse: Livro, Leitura, Literatura e Língua Portuguesa)
7. Edital ProCultura Núcleo de Formação Cultural da Juventude Negra (Acesse: Edital PROCULTURA Núcleo de Formação Cultural da Juventude Negra.)

Mais informações: (61) 2024-2082, no Atendimento ao Proponente e também no site: http://www.cultura.gov.br/site/categoria/editais-ministerio-da-cultura/

Abrindo os trabalhos do Conversando sobre Museu, evento promovido nesta terça-feira (08/05) pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC), o Grupo de Trabalho "Museu e Escola" esteve reunido durante toda a manhã, no Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis. O GT contou com a presença de 14 participantes, entre membros do Sistema Estadual de Museus (SEM/SC), Fapesc, Rede de Educadores em Museus de Santa Catarina (REM/SC), além de representantes da Secretaria de Estado da Educação e das sete regiões museológicas de Santa Catarina.

Em pauta, esteve a formatação de uma proposta de pesquisa com alunos e professores de escolas da rede pública (municipais e estaduais) e particular, com a intenção de diagnosticar a relação e as atividades entre os museus e as instituições de ensino. Questionários serão aplicados em 2% das escolas de cada uma das regiões museológicas do Estado e o resultado será apresentado na próxima reunião do GT, prevista para ser realizada no dia 4 de setembro de 2012, também no CIC. Nesta segundo encontro, serão elencadas propostas para atender às necessidades da área. Em 2013, o resultado dessa pesquisa será publicado para que as propostas sejam colocadas em prática.

Mesa redonda

Na parte da tarde, a partir das 14h, será realizada a mesa redonda com o tema “Museu e Escola: uma integração necessária”, entendendo que educação em museus, além de complementar o currículo formal, é exercício de preservação da memória e do patrimônio cultural.  Foram convidados para participar como palestrantes/debatedores o professor Doutor Fernando Antônio Romero (docente e pesquisador vinculado ao curso de Museologia do Centro Universitário Barriga Verde – UNIBAVE);  a professora Ms. Lucy Cristina Ostetto (docente e pesquisadora vinculada aos cursos de História e Pedagogia da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, e coordenadora do Centro de Memórias desta mesma instituição) e a professora. Dra. Maria Teresa Santos Cunha (docente e pesquisadora do Departamento de História da Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, do PPG/Educação e PPG/ História desta universidade).

Representantes GT Museu e Escola:

Instituição ou Região

Representante Titular

Representante Suplente

Fundação Catarinense de Cultura

Renilton Roberto da Silva

Marli Fávero

Secretaria de Estado da Educação

Sandro Medeiros

Neide Beschtold

Comitê Gestor do SEM/SC

Maria Zilene Cardoso

Cristiane Pedrini Ugolini

Rede de Educadores em Museus

Christiane Castellen

Viviane Wermelinger

Região Oeste

Fernanda Ben

Mara Paulina Arruda

Região Meio-Oeste

Julio Corrente

Não indicou

Região da Serra

Carla Juliane de Souza

Eráclito Pereira

Região Sul

Edite Volpato Fernandes

Jaqueline Posser Gallina

Região da Grande Florianópolis

Silvio Ernesto Bleyer

Tiago Lessa de Miranda

Região do Vale do Itajaí

Sueli Maria Petry

Marcella Monteiro Borel

Região Norte

Viviane Maria Bueno

Não indicou

 

Fonte: Assessoria de Comunicação FCC

A Fundação Cultural de Joinville (FCJ) convida as instituições culturais para participarem da Comissão de Análise de Projetos – CAP. A comissão é formada para analisar e avaliar os projetos inscritos no Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultura (Simdec) sob os aspectos técnicos, orçamentários e a prestação de contas. As instituições culturais interessadas em participar devem protocolar um ofício na executiva do Simdec até o dia 20/12/2010.

 

Cada instituição deve indicar três membros para concorrer pelo grupo para o exercício em 2011. O Conselho Municipal de Cultura escolhe a instituição e depois um dos nomes indicados por ela. São cinco cadeiras destinadas para as instituições culturais da cidade. Os pontos levados em consideração são a representação das diversas áreas do setor cultural e experiência comprovada dos representantes indicados.

 

Os indicados pela instituição não podem ter vínculo com o poder público - exercendo cargo comissionado ou de servidor efetivo -  ou encaminhar projetos para os mecanismos do Simdec.             

 

Além dos representantes das instituições, a comissão é formada por quatro nomes indicados pelo prefeito e como presidente nato o diretor presidente da Fundação Cultural de Joinville, Silvestre Ferreira. Mais informações pelo (47) 3433.0127 / 3433.2190  ou no site www.simdec.com.br.

 

Para marcar o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, o Museu da Música de Timbó promoverá, no dia 7 de março, o encontro temático A importância da Mulher na Música. O evento focalizará o papel da mulher no meio musical, suas realizações, dificuldades e alegrias. O objetivo é promover um bate-papo sobre as peculiaridades da profissão de musicista ou instrutora de música hoje, as dificuldades e prazeres em ser mulher e musicista num clima informal de alegria e descontração.

Para homenagear as musicistas o tema da palestra feita pela professora Melita Bona, da FURB será A Importância da Mulher na Música. Após a palestra da professora, as musicistas presentes poderão compartilhar de suas experiências com público. Para encerrar, um coquetel e apresentações musicais com a pianista Sandra Mohr, a cantora Jussara Florêncio e a fagotista Adriane Fachi. O evento é aberto ao público e a entrada é franca.

Na sociedade contemporânea se discute muito a importância da mulher em vários setores como família ou no mercado de trabalho, mas quase não ouvimos falar da contribuição da mulher no meio musical. Nem sempre as mulheres musicistas tiveram oportunidade de demonstrar seu talento, pois perante a sociedade, este papel por algum tempo pertenceu ao homem. Como compositoras, por exemplo, elas vão receber um destaque somente a partir da segunda metade do século XX e, ainda assim, em número consideravelmente inferior aos homens.

Serviço:

O que: Encontro temático "A importância da mulher na música"
Onde: Museu da Música (R: Edmund Bell, S/N - Bairro Dona Clara - Timbó – SC)
Quando: 07 de março de 2012, das 13h30min às 17h
Mais informações: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Telefone: (47) 3399-0418