FCC FacebookTwitterYoutube

O Prêmio AF de Arte Contemporânea 2019, um dos principais do calendário de artes de Santa Catarina, prorrogou o prazo de inscrições até 11 de agosto. Na sexta edição, a premiação irá reconhecer a trajetória de artistas do Estado com produção contemporânea. Os três finalistas ganharão bolsas de estudos de francês e exibirão seus trabalhos em exposição coletiva na Fundação Cultural Badesc, em Florianópolis, agendada para outubro. O vencedor fará uma residência artística durante três meses na renomada Cité Internationale des Arts, em Paris.

Podem se inscrever artistas de todas as idades e que morem em Santa Catarina pelo formulário on-line disponível no site da Aliança Francesa de Florianópolis: http://www.affloripa.com.br/premioaf/.A inscrição é gratuita.

A avaliação será a partir do portfólio apresentado, que pode variar de 10 a 30 obras produzidas em qualquer técnica, de desenho a impressão, instalação a performance etc. Além da seleção de obras, os candidatos deverão submeter biografia e nota sobre o processo criativo. O regulamento completo está no site.

Parceria com a Fundação Cultural Badesc

Uma das novidades da sexta edição da premiação é a parceria com a Fundação Badesc, instituição cultural importante no Estado e que irá sediar a exposição coletiva dos três finalistas entre 10 outubro e 15 de novembro de 2019.

Residência Artística em Paris

A seleção dos três finalistas será feita por comitê artístico e o resultado será anunciado no final agosto. Além da participação na mostra, os três finalistas ganharão três semestres de francês na Aliança Francesa Florianópolis. O grande vencedor irá participar de uma residência artística na Cité Internationale des Arts, em Paris, por até três meses, com passagens e estadia pagas, além de ajuda de custo. Inaugurada em 1965, a Cité é uma instituição reconhecida mundialmente por ser uma residência-ateliê para artistas de todas as especialidades e nacionalidades.

O Prêmio Aliança Francesa de Arte Contemporânea 2019 é viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura. Patrocínio da ENGIE. Apoio do Consulado da França em São Paulo, do Institut Français, do Institut Français do Brasil e da Fundação Cultural Badesc. Apoio institucional da Fundação Catarinense de Cultura. A coordenação é Marte Inovação Cultural.  Realização da Aliança Francesa de Florianópolis, Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.