FCC FacebookTwitterYoutube

Logo GOV SC 2019 Colorido

O Teatro Álvaro de Carvalho (TAC) será palco do Recital de Canto e Piano com Carla Domingues e Cláudio Thompson nesta quinta-feira (15). O espetáculo começa às 20h.

Carla Domingues é presença marcante nos palcos catarinenses. Conhecida por sua versatilidade que vai do repertório erudito ao popular, é uma das vozes que se apresenta frequentemente com a Camerata Florianópolis. Desde 2008 atua em parceria com o pianista Claudio Thompson e desta colaboração musical resultaram apresentações em Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Neste Recital o duo apresenta canções brasileiras contemporâneas e árias de ópera de Mozart, Bellini e Thomas.

Serviço:

O quê: Recital de Canto e Piano - Carla Domingues e Claudio Thompson
Quando: 15 de agosto de 2019, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: Livre
Ingressos: R$ 40,00 inteira; R$ 20,00 (estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores).

O Festival Palco Giratório do Sesc apresenta, nesta quarta-feira (14) o espetáculo Aquelas, da cia cearense Manada Teatro, no palco do Teatro Álvaro de Carvalho (TAC). O espetáculo começa às 20h.

Aquelas remonta à história de Maria de Bil, santa popular da cidade de Várzea Alegre (CE). Assassinada em 1926 pelo seu “companheiro”, transformada em mártir, até hoje é ícone de devoção do povo da região.

No espetáculo, que mistura a história da santa com pessoalidades das intérpretes, o público é convidado a participar do preparo de um indigesto jantar envolvendo facas, carne, sangue e outros elementos, oferecidos à mesa com os corpos das próprias atrizes/performers. Uma encenação delicada e cruel que apresenta, por meio de quadros performativos, um caleidoscópio das diversas formas de violência de uma sociedade machista.

Sobre o grupo

Artistas de Fortaleza e do Cariri com trajetórias de mais de vinte anos de teatro e motivados pelo desejo de se reencontrar, de se juntar enquanto criadores, reuniram-se para formar o Manada Teatro, em 2016. O grupo vive seus processos criativos entre as duas regiões do Ceará. Forte, pungente, atravessando a geografia espacial e humana do fazer teatro, essa Manada segue em uma estética que beira o risco. É um teatro que se faz no encontro, no agora.

Ficha técnica:

Intérpretes: Juliana Veras e Monique Cardoso - Direção: Murillo Ramos - Textos: Juliana Veras, Monique Cardoso, Murillo Ramos, Rafael Barbosa e Ricardo Guilherme - Colaborador-provocador: Ricardo Guilherme - Direção musical: Juliana Veras - Músicas: Juliana Veras, Jonathan Silva, Monique Cardoso, Murillo Ramos e Rafael Barbosa - Direção de produção: Monique Cardoso - Cenário: Klebson Alberto e Lara Leon (Focarte – Design de Ideias) - Iluminação: Wallace Rios - Operação de luz: Luís Albuquerque e Wallace Rios - Edição de vídeo: Igor Cândido - Produção: Ato Marketing Cultural - Realização: Manada Teatro

Serviço:

O quê: Palco Giratório: Aquelas - Manada Teatro (CE)
Quando: 14 de agosto de 2019, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: 14 anos
Ingressos: R$ 20,00 inteira; R$ 10,00 meia-entrada(estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores).
**Vendas nas bilheterias dos teatros. Ingressos não numerados.

O Teatro Álvaro de Carvalho (TAC) recebe o espetáculo infantil Os Três Porquinhos neste domingo (11). A peça começa às 16h.

As primeiras edições do conto datam do século XVIII, porém, imagina-se que a história seja muito mais antiga. Os personagens do conto são três porquinhos - Prático, Heitor e Cícero - e um lobo que tem o objetivo de persegui-los e prendê-los.

Os três irmãos, ao decidirem sair da casa de sua mãe, foram tentar construir cada um a sua própria casa. Cícero, o mais preguiçoso, construiu uma cabana de palha. Heitor decidiu construir uma cabana de madeira, enquanto Prático optou por construir uma casa melhor estruturada, com cimento e tijolos. Como a sua casa demorou mais tempo para ser construída, Prático muitas vezes via os irmãos se divertindo enquanto se esforçava para terminar o trabalho.

Um dia o lobo surgiu e bateu na porta da casa de Cícero, que se escondeu. Mas o lobo, com um sopro forte, desfez a casa. Enquanto Cícero fugia, o lobo foi bater na porta de Heitor e, com dois sopros fortes, destruiu também a cabana de madeira. O lobo então foi à casa de Prático e tentou derrubá-la sem sucesso. Após muitas tentativas, o lobo decidiu esperar a chegada da noite.

Serviço:

O quê: Os Três Porquinhos
Quando: 11/08/2019, às 16h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: livre
Ingressos: R$ 70,00 inteira; R$ 35,00 meia-entrada (estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores).
*Vendas nas bilheterias dos teatros. Ingressos não numerados.

O Teatro Álvaro de Carvalho recebe mais dois espetáculos do Festival Palco Giratório do Sesc nesta sexta-feira e sábado (9 e 10). Ambas as programações começam às 20h.

A Mulher do Fim do Mundo - Cia. Casa Circo (AP)

Dia 09 A Mulher do Fim do Mundo

Este espetáculo-solo é um tiro no escuro: dentro de um delírio, uma mulher se depara com a existência de um corpo que respira a cada segundo para se manter de pé. Neste estado delirante, a personagem estabelece um diálogo visceral e direto do corpo e com o corpo, validando, através do próprio corpo e do seu discurso, a existência dos vários corpos que atravessam gerações num flagelo chamado viver.

Sobre grupo

Integram o núcleo de produção e criação da Cia. Casa de Circo, atuante desde 2015, dois artistas (Ana Caroline e Jones Barsou) que, juntos, somam vida e arte, agregando em suas produções diferentes linguagens: circo, dança e teatro. A companhia se apropria dessas linguagens na busca de um corpo cênico que dê subsídio estético a uma dramaturgia autoral. Num processo de mestiçagem dos elementos que advêm dessas linguagens, as obras da companhia transitam livremente entre elas.

Serviço:

O quê: A Mulher do Fim do Mundo - Palco Giratório Sesc
Quando: 09/08/2019, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: 14 anos
Ingressos: R$ 20,00 inteira; R$ 10,00 meia-entrada(estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores).
**Vendas nas bilheterias dos teatros. Ingressos não numerados.


Cria - Cia. Suave / Alice Ripoll (RJ)

Dia 10 CriaEste espetáculo de dança, que abrange o passinho do funk, a dancinha e a dança teatro, investiga os entrelaçamentos entre os significados da noção de criação. Criar um espetáculo, criar uma técnica nova como o passinho (que pode ser considerado o primeiro estilo brasileiro de dança urbana), criar filhos. A criação de todos nós, que viemos do ato sexual, tão próximo da dança. A dança da favela, das vidas na corda bamba – tão arriscadas que cada instante é valorizado. O desejo insiste e cria a dança que está na vanguarda do mundo: o grupo esteve nos últimos quatro anos rodando a Europa com seu trabalho vibrante.

Sobre o grupo

O grupo teve início com a criação do espetáculo Suave, que uniu o passinho do funk à dança contemporânea. O trabalho foi criado em 2014, a partir projeto "Entrando na Dança", no qual dez jovens do Complexo do Alemão (RJ) foram selecionados para uma residência artística com a coreógrafa Alice Ripoll. A princípio com uma proposta de cunho formativo, o grupo mostrou um resultado tão surpreendente que o espetáculo estreou no Festival Panorama e já se apresentou em festivais e teatros da França, Alemanha, Suíça, Holanda e Suécia.

Serviço:

O quê: Cria - Palco Giratório Sesc
Quando: 10/08/2019, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: 14 anos
Ingressos: R$ 20,00 inteira; R$ 10,00 meia-entrada(estudantes, idosos, pessoas com deficiência, menores de 18 anos, doadores regulares de sangue e professores).
**Vendas nas bilheterias dos teatros. Ingressos não numerados.

Os duos a Corda em Si & Consonante apresentam Nove, um espetáculo lítero-musical, nesta quinta-feira (8). O show começa às 20h, no Teatro Álvaro de Carvalho (TAC).

Entre a crença e o real nascem as lendas – narrativas que buscam explicar o que muitas vezes é inexplicável, dar razão aos mistérios, alimentar tradições. Comuns a todos os povos, em todas as épocas, as histórias que brotam da imaginação e se guardam pelo registro oral, são base do espetáculo apresentado pelo duo A Corda em Si (voz e contrabaixo) e Consonante Duo (poesia e percussão), celebrando os 270 anos da imigração açoriana na ilha de Santa Catarina.

Cantados ou narrados, os nove contos são cercados de música por todos os lados e propõem um jogo entre ficção e História. São agregados num grande arquipélago de cultura popular e essa unidade apresenta-se em forma de uma composição lítero-musical e, por fim, sugere a formação imaginária de uma décima ilha, desgarrada, desterrada. Esta, trouxe na bagagem elementos para sua formação étnica, de linguagem e mitologia, como as bruxas, as sereias, a pesca, a religiosidade, a caça às baleias e os ritos.

Serviço:

O quê: Nove, um espetáculo lítero-musical
Quando: 08/08/2019, às 20h
Onde: Teatro Álvaro de Carvalho (TAC)
Rua Marechal Guilherme, 26 - Centro - Florianópolis
Classificação indicativa: 10 anos
Entrada gratuita.