FCC FacebookTwitterYoutube

O Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) recebe no dia 23 de setembro, às 19h, a pré-estreia da série inédita Submersos, gravada em Florianópolis e Córdoba (Argentina), que será exibida com exclusividade na TV paga pelo Paramount Channel. O evento terá a exibição do primeiro capítulo e presença da equipe e parte do elenco. A realização tem o apoio do Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS/SC)

A série de 13 episódios, com uma hora de duração cada, conta com mais de 60 pessoas, entre atores e profissionais brasileiros e argentinos no casting. Com direção de Marcia Paraíso (Lua em Sagitário), no Brasil, e Claudio Rosa e Pablo Brasa, na Argentina, a série terá Florianópolis, o universo do surfe e do tráfico de drogas como principais cenários.

Submerso apresenta Nando Oliveira (Cassio Nascimento), um ex-campeão mundial de surfe, filho bastardo de um aristocrata de uma tradicional família catarinense. Nando é uma figura muito conhecida, um ícone e uma celebridade no esporte, mas, por outro lado, sempre teve uma vida desregrada, diferente do que se imagina como comportamento de um atleta de ponta, envolvendo-se em confusões, brigas, sempre presente nas baladas mais famosas do país.

O argentino promoter Gabi (Mariano Bertolini), é seu amigo de infância. Os dois cresceram juntos e Gabi foi morar com o pai em Córdoba depois da separação da mãe, mas o relacionamento entre os dois se manteve, apesar da distância. Nando aposentou-se do surfe precocemente, no auge da carreira. Ao se aposentar, Nando lança uma marca de roupas com seu nome e com o suporte do amigo Gabi, se prepara para expandir sua marca para o mercado argentino. Na realidade uma fachada para seu envolvimento no tráfico internacional de drogas - em parceria com o ex-sócio de seu pai, o mafioso Mendes, vai exportar anfetaminas dentro das pranchas de surfe. O que parecia estar tudo certo, dá errado - as pranchas desaparecem, Nando é sequestrado e tudo indica que Gabi traiu o amigo de infância.

Serviço:

O quê: Pré-estreia da série Submersos
Quando: 23 de setembro de 2019, às 19h
Onde: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis
Classificação indicativa: 18 anos
Entrada gratuita (serão distribuías senhas 30 minutos antes da sessão)

O Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) será palco do lançamento do livro e do filme Colônia Blumenau no Sul do Brasil, de Gilberto Gerlach. O evento ocorre no dia 25 de setembro, às 20h, com distribuição de ingressos gratuitos 30 minutos antes.

A publicação apresenta, em 800 páginas, textos e imagens de Blumenau, até então inéditas, com legendas em português e alemão, além de relatos de imigrantes que ajudam a contar a história dos primeiros anos da Colônia. A cronologia da obra se inicia em 1848, na primeira exploração do Rio Itajaí, e segue até 1934, com o desmembramentos dos distritos da cidade.

Serão sorteados cinco exemplares do livro antes da exibição do filme, que tem duração de 67 minutos.

Resumo do livro e filme

Com apenas 17 pessoas, o empreendimento tem início em setembro de 1850. Como primeiro abrigo, é erguida uma cabana com folhas de palmito. No ano seguinte, houve um aumento e, na lista, constava um número de 110 recém-chegados, ocasião em que a Colônia festejava sua real fundação com a posse de 12 lotes.

Em 22 de agosto de 1852, chegavam a Blumenau os irmãos Müller - Fritz e August, com suas famílias. Até 1854, totalizavam 309 imigrantes. Havia, então, 40 lares estabelecidos, seis em construção, dois engenhos, dois alambiques e duas atafonas de mandioca. Em 1856, o jovem Karl Kleine, com sete anos de idade, chegava com seus pais. Depois viria a escrever suas impressões em caderno de 1 mil páginas.

Röse Sametzki Gärtner introduziu o Teatro na Sociedade dos Atiradores. Em 1860, chegava a Blumenau o primeiro cervejeiro - Heinrich Hosang, instalado na Itoupava Seca. Outras cervejarias foram abertas: Friedenreich, Rischbieter, Jennrich, Feldmann, Berner, etc. Por volta de 1900 já havia cerca de oito delas.

Este relato cinematográfico começa com a chegada dos imigrantes ao Porto de Itajaí, a subida pelo Rio Itajaí-açu, até chegarem à região de Belchior, retratada por Bernhard Wiegandt, onde em uma figueira brava poderia ter sido pendurada uma placa com os dizeres: "Deixai toda esperança, vós que entrais!", numa alusão ao poeta Dante.

Serviço:

O quê: Lançamento do livro e do filme Colônia Blumenau no Sul do Brasil, de Gilberto Gerlach
Quando: 25 de setembro de 2019, às 20h
Onde: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Entrada gratuita (limitada à capacidade do Cinema de 137 lugares). Distribuição de ingressos a partir das 19h30.

Nos dias 21 e 22 de setembro, o Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) servirá de palco para o talento de pequenos músicos no Festival Tac Tic Tum de Música Infantil. O evento é pensado especialmente para as crianças apresentarem os seus saberes e seu jeito de ser por meio da Música. Podem participar crianças que estudam música, a partir de inscrição gratuita e prévia pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

As apresentações serão realizadas de diversas maneiras: individualmente, em duplas, em turma, com a mamãe, a dinda, o papai ou o/a professor(a). Cada artista vai se apresentar da forma que se sentir mais seguro. Neste ano mais de 200 crianças passarão pelo palco do Cinema do CIC, de bebês a pré-adolescentes.

A organização do evento está aos cuidados da musicista e professora Rosamon Mattos, com a participação da musicista e professora Gisele Matavelli, e da produtora cultural Vanessa Schultz. Tem o apoio do Museu da Imagem e do Som de Santa Catarina (MIS/SC).

Programação para jovens e adultos

Em parceria com o Cineclube Cinema Unisul, o Festival realizará também a Sessão Antídoto, com a exibição de vídeos do canal de Youtube de mesmo nome, que terão como tema de arte (música!) e filosofia. Um debate acontecerá com o realizador após a sessão. "Antídoto" existe desde 2017 e já foi visualizado por mais de 3 milhões de pessoas, seu criador é o artista Juliano Malinverni, que propôs uma votação aberta aos mais de 95.000 seguidores para a escolha dos vídeos a serem exibidos dia 21. 


Serviço:

O quê: Festival Tac Tic Tum de Música Infantil 2019
Quando: 21 e 22 de setembro de 2019, às 10h, às 14h30 e às 16h.

O quê: Sessão Antídoto
Quando: 21 de setembro de 2019, às 20h

Onde: Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica, Florianópolis - SC
Ingresso: R$ 20 (à venda na Parlenda Brinquedos Educativos de 16 a 20 de setembro)

O Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC) será palco da Roda de Conversa Inclusão - Aproximações e Integrações que ocorrerá no dia 17 de setembro, das 15h às 19h, com entrada gratuita mediante inscrição no link http://twixar.me/KHg1. A atividade faz parte da programação da Semana Inclusiva, promovida pelo Ministério Público do Trabalho - MPT por meio da Procuradoria Regional do Trabalho da 12ª Região, o Ministério do Trabalho pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego de Santa Catarina - SRTE/SC, em parceria com diversas instituições, entre elas a Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

A roda de conversa será um espaço de compartilhamento da experiência Projeto Manjericão e aprendizados em torno da Inclusão e da Socialização através da aproximação e integração de linguagens e ações. Confira a programação:

15h: Abertura - Ana Lúcia Coutinho (presidente da FCC);
15h10: Roda de Conversa Inclusão - Aproximações e Integrações
Apresentação: Luiz Mesquita (tema: Cultura, Linguagem e Integrações)
Convidados:
Márcia Gil Barddal (tema: Da Inclusão à Diversidade)
Maria Alice Bampi (tema: Sensibilidade para Perceber e Afeto para Aproximar)
Nanci Veras e Aline Schmitt (tema: Aproximando Linguagens e Integrando Ações na Assistência Social)
Sérgio Da Silva Prosdócimo (tema: Arte, Corporeidade e Integralidade no Ser)
Luciana X. S. de Carvalho e Quézia Araújo D. N. Gonzalez (tema: Semana Inclusiva – Aproximações e Integrações)
Lauanda Barbosa dos Santos (tema: Fonoaudiologia e Arte nos processos de Inclusão e Socialização)
Mary Benedet (tema: Arte e Inclusão – Relato de Experiência)
16h45: Apresentação artística do Grupo Tocando em Frente
(Celso Anibal Berto, Enilda Pereira Berto, Odalino Melo Filho, Iara Maria Melo, Antomar da Silva Ramos, Laurentina Griga, Luiz Mesquita e convidados: Nanci Cecília de Oliveira Veras e
Emanuel de Souza Pereira.)
– Apresentação Artística da Associação Catarinese para a Integração do Cego (ACIC)
(Profa. Mara Cordeiro e Profa. Camila Carvalho - Coreografia: Meados de Julho)
– A Arte Enquanto Potência Criativa (Camila Carvalho)
A relevância da dança no processo de habilitação-reabilitação / Apresentação de trabalho desenvolvido na instituição ACIC, com relato de experiência desenvolvida pela professora Camila Carvalho Vieira acerca dos resultados obtidos nas aulas de pintura, cerâmica e escultura da instituição, bem como nas visitas a museus e espaços culturais da cidade.
18h15: Intevalo e apresentação de Canto Coral – Uma Canção pra Ti (Luiz Mesquita)
19h: Encerramento

Sobre a Semana Inclusiva

A Semana Inclusiva criada em 2016 para garantir a inclusão de pessoas com deficiência e reabilitados do INSS na Grande Florianópolis já uma realidade, também, nas cidades de Joinville e Blumenau. As ações que ocorrem nos três municípios na segunda quinzena de setembro ganham força e resultados surpreendentes. Somados, de 2017 a 2019, os eventos garantiram a contratação de mais de 1.100 trabalhadores deste público, segundo dados da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais) e do CAGED (Cadastro Geral de Empregados).

Na Grande Florianópolis a quarta edição da Semana Inclusiva ocorrerá de 16/09 a 22/09 com a participação na Banda da Polícia Militar de Santa Catarina e do grupo Bengalantes da Associação Catarinense de Inclusão do Cego (ACIC) na abertura, no Beiramar Shopping, seminário com a participação de palestrantes renomados ligados ao tema, atrações culturais, caminhada acessível, Dia D – Feirão de Empregos e o encerramento com um público estimado em 1.800 pessoas com a Corrida do Bem FarmaSESI 2019 e as atividades esportivas adaptadas.

Mais informações e a programação podem ser encontrados em https://www.facebook.com/semanainclusivaflorianopolis/

Serviço:

O quê: Roda de Conversa Inclusão - Aproximações e Integrações
Quando: 17 de setembro de 2019, das 15h às 19h
Onde: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Entrada gratuita, mediante inscrição pelo link http://twixar.me/KHg1 (limitado à capacidade do espaço de 137 lugares)

O Centro Integrado de Cultura (CIC) recebe de 9 a 15 de setembro a programação da 12ª Strangloscope – Mostra Internacional de Áudio, Vídeo, Filme e Performance Experimental. O evento é promovido pelo Duo Strangloscope, com apoio da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), por meio do Museu da Imagem e do Som (MIS/SC).

Nesta edição, a Strangloscope traz a Florianópolis artistas internacionais e nacionais para exibirem filmes, performances audiovisuais e instalações de cinema expandido de 12 a 15 de setembro no Cinema do CIC. Entre as presenças confirmadas estão os australianos Dianna Barri e Richard Tuohy, do nanolab da Austrália; André Parente; Carlos Adriano; Savio Leite; Azucena Losana; Ligia Teixeira; Francisco Gusso; Wilson Oliveira; Joao Aires; Duo Mental Shake; além dos curadores, produtores e realizadores da Mostra, o Duo Strangloscope.

No dia 11, quarta-feira, a abertura será no O Sítio Arte e Tecnologia, na Lagoa da Conceição, com masterclass de Andre Parente e apresentação musical do Duo Mental Shake. O evento é gratuito e tem início às 19h. De 12 a 15 de setembro, as obras instaladas, performances e alguns dos programas estarão sendo exibidos no Museu da Imagem e do Som (MIS/SC), no CIC, além de outras curadorias na sala de cinema do CIC.

Além da Mostra, haverá duas oficinas gratuitas de Contact Printer e Chromaflex com os artistas australianos Dianna Barrie e Richard Tuohy, nos dias 9 e 10 de setembro, nas salas das Oficinas de Arte do CIC. O trabalho resultante será exibido durante a Mostra. São disponibilizadas 10 vagas, com inscrições prévias pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

PROGRAMAÇÃO:

Dia 9 de setembro (segunda-feira) 

 

14h às 18h: Oficina de Contact Printing, com Dianna Barrie e Richard Tuohy
Local: Oficinas de Arte do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: A impressora de contato é uma das ferramentas mais essenciais do cinema. Quase todos os filmes para os quais havia mais de uma cópia foram impressos por contato. No entanto, a contribuição  para o cinema da técnica de impressão por contato é, em geral, invisível. Geralmente, a ideia de uma impressora de contato é fazer duplicatas o mais próximo possível do original. No entanto, a  impressão por contato é capaz de muito mais do que isso. Ela pode ser uma ferramenta para a criatividade. Existem muitos jogos, convencionais e não convencionais, que podem ser jogados em uma  impressora de contatos - até mesmo em um DIY. Neste workshop prático, os artistas de filmes experimentais australianos Richard Tuohy e Dianna Barrie mostrarão como fazer uma impressora de contato DIY a partir de um projetor de 16 mm.

 

Dia 10 de setembro (terça-feira)

14h às 18h: Oficina de Chromaflex, com Dianna Barrie e Richard Tuohy
Local: Oficinas de Arte do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: Este workshop levará os participantes passo a passo através de uma emocionante nova técnica de criação de filme DIY de 16 mm. Essa técnica, chamada de Chromaflex, permite cores negativas e positivas seletivamente controladas, e imagens em preto e branco na mesma tira de filme. Além disso, a técnica permite tomar essas decisões de seleção em plena luz com as imagens visíveis. Além de se envolver com uma nova técnica interessante de filme experimental, este workshop é uma ótima oportunidade para aprender em detalhes como a criação com cores funciona.

Dia 11 de setembro (quarta-feira)

 

Pré-abertura da Mostra

19h15: Abertura da Mostra – Apresentação do programa da 12ª edição e dos trabalhos resultantes das oficinas
19h30: Apresentação do Duo Mental Shake – som de improviso
21h: Masterclass com André Parente: Pré e pós-cinema, circularidades
Local: O Sítio, Arte e Tecnologia
Rua Francisca Luisa Vieira, 53, Lagoa da Conceição - Florianópolis

 

Dia 12 de setembro (quinta-feira)

 

14h às 19h: Abertura da Mostra
Programa Internacional 1:
Alteridad - Jose Cruzio
Master - Advertising The Earth Radio - Stephen Mcgreevy’s
"Existentia" - Paloma Saldaña
Identity Parade - Gerard Freixes
Nonoko/Kaos No Ma - Michael Lyons
Deeply Absurd - Lucidity Sammy Sayed
Afogamento - Luciano Scherer
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h às 22h: Instalação Carlosmagno Rodrigues
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: Graduado em Artes e Cinema de Animação pela Escola de Belas artes da UFMG, desenvolve trabalho em vídeo desde 1994. Seus trabalhos apresentam uma narrativas autobiográficas onde personagens e situações, com ironia e poética, são construções "randômicas"; de imagem e pensamento mesclando precariedade visual de imagens caseiras, construções iconográficas  de  inspiração religiosa, política e guerrilheira. Também é designer, crítico  e curador pelo Timeline:BHFestival. Trabalha em regime de ateliê aberto sem patrocínio de instituições.

19h às 21h: Programa Carlos Adriano - Exibição dos filmes e debate com o artista
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Filmes:
ST5 A Rotina terá seu Enquanto
Um kino haikai sobre o filme-testamento do mágico de Ozu.
ST3 E para que Poetas em Tempo de Pobreza?
Um manifesto de (in)apropriação sobre a (im)pertinência da poesia em nossos tempos.
ST4 Apesar dos Pesares, na Chuva há de Cantares
Choves; mas, ainda assim, canta.
ST1 Dance of Leitfossil
O improvável duo de um fado para o saudoso convidado.

21h30: Performance Richard Tuohy e Dianna Barrie
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre os artistas: Dianna Barrie é uma cineasta experimental. Ela encontrou seu caminho no cinema como meio termo entre a busca da música abstrata e da filosofia. A superação dos limites na artesania da revelação manual do super 8 levou ao estabelecimento do nanolab com Richard Tuohy e à interseção entre a tecnologia artesanal e o cinema industrial. Essa exploração se estendeu além do trabalho individual até o estabelecimento do Artist Film Workshop, onde o celulóide é adotado e defendido por uma comunidade de praticantes em Melbourne.
Richard Tuohy começou a fazer trabalhos em Super 8 no final dos anos 80. Após um breve hiato no cinema (incluindo estudo formal em filosofia por sete anos), ele voltou ao cinema em 2004. Inicialmente trabalhando exclusivamente no Super 8. Em 2006, juntamente com sua parceira Dianna Barrie, lançou o nanolab, um laboratório de processamento de filmes Super 8 baseado em sua casa em Daylesford, Victoria. Seus filmes e performances cinematográficas foram exibidos em locais como Melbourne IFF, EMAF (Osnabruck), Roterdã IFF, Nova York FF, Ann Arbor e Media City e ele viajou repetidamente pela Europa, América do Norte e Ásia, apresentando programas solo de seu trabalho e realização de workshops experimentais de produção de filmes junto com Dianna Barrie.

Dia 13 de setembro (sexta-feira)

 

14h às 19h: Programa Internacional 2
Bruma - Paulo Pécora
Gare Paris-Saint-Lazare, 10 Avril 2017, 12h03-12h07 – Pablo-Martín Córdoba
En Transito – Paola Michaels
Transient – Dee Hood
Retorno À Ternura - Victor De La Rocque
Transitions - Aurèle Ferrier
Maarit Suomi-Väänänen - Jalkeilla Taas
Cornucopia - Kent Tate
Estação - Selene Alge
Espectral - Colectivo 22bits
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h às 22h: Instalação Link Haters, de Sávio Leite
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h às 20h30: Programa Cinema de Prayoga - vanguarda de filmes experimentais na Índia Curadoria de Raju Roychowdhury
Exibição dos filmes e debate com o curador e com o Duo Strangloscope
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: Cinema de Prayoga é uma abordagem conceitual que situa a história da vanguarda de filmes experimentais na Índia com uma história ancestral da tradição pré-moderna de inovação, transformação e metamorfose defendendo uma hipótese de prática cinematográfica que frequentemente atreve-se a disputar as formas dominantes de expressão fílmica na Índia contemporânea, incluindo a popular e todo-poderosa Bollywood ou o realismo social da New Wave Indiana. Terá a exibição dos filmes:
Video Game (Direção: Vipin Vijay)
Ka (Direção: Amit Dutta)
Vakratunda Swaha (Direção: Ashish Avikunthak)

20h30: Fala de Sávio Leite sobre o processo artístico
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre o artista: Estudou Comunicação e é Mestre em Artes Visuais pela UFMG. É diretor de curtas-metragens, professor de Cinema de Animação no Centro Universitário UNA e coordenador de workshops de vídeo e imagem, tendo colaborado ainda em vários projetos cinematográficos. Seus trabalhos foram apresentados e premiados em importantes festivais ao redor do mundo. Nominado três vezes ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro. Foi júri em festivais na Finlândia, Chile, Colômbia, Equador, Peru e Armênia e em diversos outros no Brasil. É curador junto ao grupo de teatro Oficina Multimédia da mostra de Cinema: cultura, arte e poder de Belo Horizonte. Fundador e um dos diretores da Múmia Mostra Udigrudi Mundial de Animação.

21h: Programa Archivo de huellas / Fingerprint file
Curadoria de Francisco Alvarez – Equador
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: O programa Fingerprint file reúne filmes que falam sobre seres humanos que percebem o trânsito do mundo acontecendo, propondo um perpétuo percurso de imagens e experiências, que se transformam em uma história firme que dialoga com o acontecimento objetivo ao qual chamamos realidade. Terá a exibição dos filmes:
La bala de Sandoval (Direção: Jean-Jacques Martinod.)
Obatala Film (Direção: Sebastián Wiedemann)
Pirâmide Erodida (Direção: Coletivo Los Ingrávidos)
Altares (Direção: Coletivo Los Ingrávidos)
Cinza Verde (Direção: Pablo Mazzolo)
Outliers (Direção: Zoljargal Purevdash)
Hoarders Without Borders 1.0 (Direção: Jodie Mack)


22h: Performance Ecos do Inferno Verde, dos The Japanese Rice Crackers
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)
Sobre: Lígia Teixeira e Francisco Gusso integram o The Japanese Rice Crackers. Os dois artista curitibanos realizam trabalhos de videoarte e película super 8 e trabalham com performances sonoras e audiovisuais. Seus trabalhos já foram exibidos em museus e galerias.

Dia 14 de setembro (sábado)

 

14h às 18h: Programa Internacional 3:
Unless You’re Living It - Sarah Bliss
Hidden Memories - Anna Baranska
We Were Hardly More Than Children - Cecelia Condit
Young Woman With A Straw Hat - Muriel Montini
Slower - Kelly Gallagher
Consumação - Alan Langdon
O Paraíso Das Preciosidades Perdidas - Pati Peccin
MyGossip - Kelly Gallagher
DustThouArt - Maria Korporal
Fall - Gioula Papadopoulou
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

18h às 19h: Se me rendo, por quê sigo com a cabeça em direção ao muro?
Instalação da videoarte de Joacélio Batista
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h às 22h: Programa Internacional 4:
Noite Azul - Nelton Pellenz
Cosmos Obscura - Kate Balsley
In Film/OnVideo - IgnacioTamarit
Take It Down - SabineGruffat
Limites - Romina Forno Fargo
Calling You - Beth Warshafsky
The DeadSea Scrolls - Steven Woloshen
Timeless Time – Lau Focarazzo
Fehlerhaft - Distruktur
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

14h às 22h: Instalação "Obsolescência Desprogramada", do DUO2x4
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h: Programa Strangloscope Transitoriedade 1:
The Divine Way - Ilaria Di Carlo
Dizzy Mess - Vivian Ostrovsky
Never Never Land - Michael Fleming
Brave New World - Sabine Gruffat
Post-Panoptic Gazing - Michael Woods
The Underworld - Jann Clavadetscher
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

20h30: Exibição e debate com os curadores do Programa Bodies in Space
Filmes de Richard Tuohy and Dianna Barrie.  Exibição dos filmes e debate com os realizadores com mediação do Duo Strangloscope. Terá a exibição dos filmes:
Etienne’s Hand (2011, 13 minutes, 16mm, Richard Tuohy)
Crossing (Richard Tuohy 2016 16mm 11 min)
Pancoran (2017, 9 minutes, 16mm, Richard Tuohy and Dianna Barrie)
Blendingand Blinding (Richard Tuohy, 11 minutes, 16mm, 2018)
Last Train (Dianna Barrie and Richard Tuohy 12 minutes, 16mm, 2016)
Low Visibility (Richard Tuohy and Dianna Barrie, 11 minutes, 16mm, 2019)
China not China (Richard Tuohy and Dianna Barrie, 14 minutes, 16mm, 2018)
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)


Dia 15 de setembro (domingo)

14h às 18h: Programa Internacional 5:
Cease Susurrating - Ye Mimi
Sensesof Time - Wenhua Shi
Thinya – Lia Letícia
Imampesmu da vampevam/I Have a Song to SingYou - Zoe Aiano
Água Forte - Mónica Baptista
Movimiento Continuo - Mauricio Freyre
Hiatus - Vivian Ostrovsky
Antler - Atoosa Pour Hosseini
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

18h às 22h: Programa Internacional 6:
Unfold - John Graham
Merry-Go-Round - Ihor Podolchak
Urutan - Jeroen Cluckers
The StreamIx - Hiroya Sakurai
Being - John Graham
Eidolon - Jeroen Cluckers
Shambala - Eric Souther

14h às 22h: Instalação Obsolescência Desprogramada, do Duo 2x4
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

19h: McLuhan, mídia e materialidade: Estendendo o cinema experimental
Palestra do Prof. Dr. Wilson Oliveira Filho
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

20h: Programa Strangloscope Transitoriedade 2
Exibição e debate com os curadores Duo Strangloscope. Terá a exibição dos filmes:
Dreamland - Allan Brown
Xctry - Bill Brown
Vienna & Linesof Force - Dan Browne
Landscape For A Person - Florencia Levy
In Platons Höhle? - Johannes Gierlinger
Ditët e Luftës (Daysof War) - Alex Faoro
Landscape becoming Landscape - Pamela Breda
Rosa - Saif Alsaegh
Local: Sala de Cinema do Centro Integrado de Cultura (CIC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

21h15: Performance Azucena Losana Troco
Performance fílmica: filme de 35mm e filme 16mm com intervenção e música ao vivo
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)

21h30: Performance de encerramento - Jam session de projetores e músicos
Local: Museu da Imagem e do Som (MIS/SC)
Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 - Agronômica - Florianópolis (SC)