FCC FacebookTwitterYoutube

Pessoas cegas ou com baixa visão têm, agora, uma nova forma de acessar o acervo da Biblioteca Pública de Santa Catarina. Um scanner combinado ao software Openbook transforma o texto em voz, permitindo que qualquer obra escrita seja ouvida por deficientes visuais.

O usuário pode levar a obra que deseja ler ou escolher entre os livros disponíveis nas prateleiras da BPSC. O livro é colocado na bandeja do scanner, que digitaliza a página e joga o texto para dentro do software Openbook. A leitura, que pode ser feita em vários idiomas, é ouvida por meio de fones disponíveis no computador.

Para utilizar o computador em que o scanner e o software estão instalados, é possível marcar horário antecipadamente ou chegar até o segundo andar da Biblioteca, onde também está o setor de livros em Braille, e solicitar o equipamento. A facilidade é uma doação recebida no evento Senabraille, que abordou ações de bibliotecas na inclusão de pessoas com deficiência visual, pelo Sistema de BibliotecaS Públicas de Santa Catarina, que repassou à BPSC.