FCC FacebookTwitterYoutube

O Museu de Arte de Santa Catarina (MASC) recebe três novas exposições no mês de junho. Uma delas é comemorativa aos 90 anos de nascimento da catarinense Eli Heil. Na mostra “Eli Heil 90 anos - take a walk on the wild side”, o público poderá conhecer obras de toda a trajetória da artista. Também abre ao público a mostra "O artista Vecchietti em coleção", com tapeçarias pertencentes ao acervo do Governo do Estado de Santa Catarina. Por fim, integrando o circuito, entrará em cartaz a mostra "Páginas Avulsas", da artista Clara Fernandes. 

A programação segue até o dia 08 de setembro de 2019. Permanecem em cartaz a exposição de longa duração "Coleção MASC – 70 anos" e a instalação "Diálogos com o Acervo", de Rubens Oestroem. Todas as exposições têm classificação indicativa livre e integram as comemorações de 70 anos do museu e de 40 anos da Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

Eli Heil 90 anos - take a walk on the wild side

ELI Acervomasc 1556Quem visitar a mostra, poderá ver 60 obras da artista que compõem o acervo do MASC.

Conforme o curador Ylmar Corrêa Neto, esta é a primeira retrospectiva após seu falecimento (em 2017). Foram quase 60 anos de atividade em que a artista rejeitou a comodidade, a fórmula pronta, a serialização, sempre procurando novas formas de expressão e aperfeiçoamento técnico. A artista também optou por rejeitar a mercantilização de sua produção, não se submetendo ao gosto da moda, selecionando os melhores trabalhos para a criação de seu Mundo Ovo, em Santo Antônio de Lisboa (Florianópolis), e para o MASC. 

 

O artista Vecchietti em coleção

Vecchietti

A mostra apresenta sete tapeçarias, em dimensões variadas, da coleção do Governo do Estado de Santa Catarina, além de duas tapeçarias de 1993: uma delas pertencente ao acervo do MASC e uma da coleção da artista Clara Fernandes. Apresenta também as matrizes: desenhos em nanquim produzidos pelo artista como módulos de composição nas mídias que ele versou.

Entre 1991 e 1993 Vecchietti trabalhou na reprodução das Vinhetas em tear manual no atelier de Clara Fernandes. Produção que se iniciou com a reprodução das serigrafias e culminou em novas composições com as matrizes que o artista utilizou também para uma produção em fotocópias, em preto e branco ou coloridas individualmente com hidrográfica.

Desta pesquisa e produção de dois anos no atelier de teares apresentou-se uma mostra no MASC, em agosto de 1993, com trinta e três tapeçarias. Vecchietti faleceu em março daquele ano.

 A curadoria é de Clara Fernandes e a expografia de Juliana Crispe.

 

Páginas Avulsas

Clara masc mhm 2257 2As obras da exposição Páginas Avulsas, da artista Clara Fernandes, estão em processo desde 2001. Nessa temporalidade, 2001-2019, de pensamento/construção, Clara trama entre materialidade, linguagem e conceito, relações temporais que se perfuram, criando tempos sempre em virtualidades que se ressignificam no agora.

São oito obras – estandartes em tecido papel e impressões com dimensões variadas (1,2 x 2,7;   2 x 3 ; 1 ,5 x 1, 5) e suspensos no espaço.

A expografia é de Juliana Crispe.

Serviço:

“Eli Heil 90 anos - take a walk on the wild side”;
"O artista Vecchietti em coleção";
"Páginas avulsas"

Local: Museu de Arte de Santa Catarina (MASC)
Visitação: 13 de junho a 8 de setembro de 2019
Abertura:  13 de junho às 19h
Horário de visitação: terça a domingo, das 10h às 21h
Classificação indicativa: livre
Entrada gratuita.